Por onde andei: Malásia

Imagine a mistura de selva tropical com ilhas paradisíacas gerando biodiversidade imensa com animais endêmicos terrestres e marinhos.

Adicione uma culinária riquíssima vinda da fusão de várias cozinhas orientais, resultado de muito comércio nos séculos anteriores por ter local estratégico no encontro dos Oceanos Índico e Pacífico.

Finalize com o tempero cultural de diversidade religiosa e costumes.

Essa é a Malásia que conheço.

Malásia peninsular e Malásia Borneo. Os pontos azuis mostram o caminho do MDElsewhere…

A seguir farei um parágrafo somente para cada um dos 9 pontos que andei, e colocarei uma a duas fotos que tirei de cada lugar. Vamos nessa!

Kuala Lumpur, KL – a imponente.

A gigantesca capital Kuala Lumpur é fascinante. Pude visitar três vezes em momentos distintos: 2013, 2015 e 2017. É o centro político e econômico do país.

Penang – a culinária.

Aqui você pode se deliciar com as comidas de rua. No período que passei, conheci o Wanton Me… É um prato famoso e super característico da ilha de Penang!

Perhentian Islands – para relaxar.

Perhentian Islands – one of the bays.

Paraíso no lado da Península Malaia.

Taman Negara (parque nacional) – para encontrar a selva.

Esse é um parque nacional famoso por sua selva tropical. Fiz uma trilha de 2D/1N, dormi numa caverna. Quando soube da trilha na selva, pensei… Sou da Amazônia, isso será moleza… Choveu torrencialmente no dia anterior, a trilha estava um lamaçal… Até aí tudo bem, já falei, “sou da Amazônia, está safo”… … … O f*** foram as… SANGUE-SUGAS!! Durante os dois dias da trilha, eu arranquei mais de 10 do meu corpo, pqp! Faca na Caveira, Selva, guerreiro! Completei a trilha!

Labuan – para trabalhar.

Zona duty-free do país, acabei indo lá porque era o voo mais barato para sair de KL e ir para a parte leste do país, a famosa ilha de Borneo. Fala sério, essa ilha eu conheço desde pequeno nos tabuleiros… Quem aí já jogou WAR ou RISK?!? Hehhe. Fiquei em Labuan apenas umas 10 h. Quando cheguei lá e vi que era tudo caro pro meu orçamento e vi que iria estourar uns 150 reais por dia no mínimo, peguei o 1o ferry boat para Kota Kinabalu.

Kota Kinabalu, KK – entrada em Borneo.

Fui rapidamente a Kota Kinabalu, que considero que seja a melhor entrada em Borneo. Era o caminho natural para sair de Labuan e ir em direção ao parque nacional do Orangotango.

Sandakan – ver o Orangotango e o Urso Malaio (ou Urso do Sol).

Fui a Sandakan para ver os orangotangos. É uma especie única, são nativos apenas na ilha de Borneo e Sumatra… Eles são conhecidos pela sua cara e pêlos engraçados. Lá também vi ursos tropicais… sacou? Urso tropical!? Eles são chamados de Sun Bears, tem pêlo preto e habitam a ilha de Borneo. Dá uma olhada nos vídeos que consegui gravar!

Semporna – mergulho top world class.

Semporna é a entrada do paraíso do mergulho, algumas ilhas tem fila de espera de 6 meses nas reservas! Fiz 3 mergulhos lá.

Langkawi – bonus para relaxar.

Langkawi é bonus round nessa lista, não visitei no 1,5 ano de período sabático, mas sim quando fui em 2015. É um lugarzinho maneiro, calmo, paradisíaco também, e com cerveja barata… recomendo!

Conclusão

Certamente voltarei à Malásia, é um país que há bastante a se explorar. É um país emergente também, e sabe como é…. as coisas mudam muito rápido em país emergente, é bom ir o quanto antes!

Vou deixar uns links úteis agora:
Bornean Sun Bear Conservation Center
Sepilok Rehabilitation Center

Você já foi pra Malásia ou tem vontade?! Escreve aqui embaixo e compartilha comigo o que vc acha!

Um abraço,

MDElsewhere in Brazil

 

 

 

 

Next Destination: ?


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s