Resultado MD Elsewhere (Set/19): +0,6%. Em 2019: +21,5%.

Olá galera!

Caminhada IF

Essa é mais uma página mensal no caminho da IF.

1. Introdução. Ano de Investimento #14 / 2019 / Idade 33-34 / Setembro

Resultado MD Elsewhere

2. Notas Pessoais

2.1 KPI – Key Performance Indicators (Indicadores Principais de Desempenho)

Esses são meus índices criados para avaliar minha performance, eles servem de meta e guia.

  • Rentabilidade da carteira no mês, no ano e crescimento patrimonial no ano: +0,6%, +21,5%, +29,2%.
  • Aporte mensal em relação ao Patrimônio Líquido do ano anterior: 0,83%.
  • Aporte mensal em relação à Renda Líquida do mês: 75% / meta 65%. OK!
  • Proventos mensais recebidos em relação à meta de Independência Financeira: 67%. Sétimo mês consecutivo na faixa entre 60-70%.
  • Leitura ou escuta (audiobook) de 1 livro por mês em 2019. Realizado: 5/12. Sim! Li “O Poder do Hábito” de Charles Duhigg.
    • Estacionei os livros: Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes / O Buda e o Executivo / The Snowball – Warren Buffet and the Business of Life.
    • Comecei a escutar: Mindset: a nova psicologia do sucesso.
  • Realizar 8x atividades de triatlo no mês, 1 h/semana.
    • Corri 1x / Nadei 0x / Pedalei 0x. Meta não cumprida.

2.2 Movimentação de ativos

Em Setembro eu subscrevi meus direitos em RBRR11 comprando mais 66 cotas.

Zerei minha posição em RBBV11, o valor foi para o caixa.

Vendi 300 BIDI11 e comprei 500 QUAL3 com o mesmo valor. O racional foi trocar crescimento por dividendos, aproveitando isenção de IR.

2.3 Utilização de aporte e caixa

Fiz um aporte muito bom, recebi o reajuste salarial com data base em maio, daí esse valor extra foi todo para caixa.

Meu Caixa foi recuperado de 8,6% para 9,5%.

3. Alocação de Recursos do Portfólio MD

Continuo na mesma… Uns 50% em ações, 10% no exterior e o resto competindo entre RF, FII e uns F Multimercados.

3.1 Alocação geral ao longo do tempo

 

Pode parecer confuso, mas o gráfico abaixo é possivelmente o mais importante do post.

3.2 Alocação da seção de Ações (47%)

Na minha estratégia de ações, eu tenho acertado que:

  • Não posso mais comprar empresas do setor financeiro.
  • Não posso passar de 15% em um único determinado ativo.
  • Não gosto de comprar empresas de commodities por conta dos seus ciclos. Além disso, meu trabalho está relacionado a uma das commodities, então não faz sentido em concentrar ainda mais minha renda nesse setor.

Nesse mês eu vi minha posição em ITSA4 recuperar a 1a posição de IRBR11… briga boa!

3.3 Alocação da seção de FIIs (9%)

FIIs continuam sendo a melhor forma de se expor ao mercado imobiliário e de diversificar seus investimentos.

Até 15% do portfólio me parece um bom número sem problemas.

3.4 Alocação da seção Global (9%)

3.4.1 Dólar (6%)

O dólar andou pouco.

3.4.2 Ouro (2%)

Metade da posição é na maior mineradora de ouro do mundo Barrick Gold, e a outra no ETF IAU.

3.4.3 Criptomoedas (1%)

Nem vi direito o resultado dos Criptobagulhos.

4. Proventos Recebidos

Continuo a 67% da minha meta FIRE, a conhecida IF. 

Parece que estou estacionado nesses 67%, mas isso acontece porque a distribuição de proventos é irregular e a média móvel tem memória, ou seja, ela ainda tem valores menores que obtive no ano anterior.

Esse é o 7o mês que estou no intervalo 60-70%. Foi esse mesmo tempo que fiquei na faixa de 50-60%.

Talvez se meu imóvel não tivesse sido desocupado neste ano, já estaria na régua dos 70%.

Falta 1/4 pro ano acabar.

5. Fechamento

Escrevi isso em Agosto:

Para Setembro, a meta é o seguinte… Trabalhar, aportar, e juntar caixa. Enquanto isso a gente fica só olhando o mundo falar de guerra comercial, Bolsonaro, e outros blá blá blás mais ruído que sinal.

Para Outubro, a instrução continua sendo a mesma!

O Brasil está no caminho certo: Taxa Selic em valores de países desenvolvidos, inflação controlada e numa das menores da história, dívida pública a um passo de se tornar crível, Caged apontou 140 mil novos empregos criados, teremos 3 (!) leilões de oferta de blocos exploratórios de petróleo ainda neste ano, marco regulatório do saneamento sendo discutido, reforma tributária sendo discutida no congresso, preços de imóveis em SP já reagem positivamente, IPOs e levantamentos de capital estão mais frequentes que nos últimos 5 anos, o PIB em 12 meses está acima de 1% (e boa parte de iniciativa privada, já que com o setor público está com pé no freio)…

Só não vê a melhora, quem não quer!

Não seja o último a acreditar que o Brasil está bom, daqui a pouco o PIB pode estar acima de 2% e os preços estarão muito mais caros!

Se você não leu meu último post sobre a Renda Fixa, sugiro fortemente que faça aqui: Quanto rende 100% do CDI com taxa Selic em 5,5% ao ano?

Ao sucesso,

MD Elsewhere in Brazil

 

 

 

 

Next Destination

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s