Resultado MD Elsewhere (Ago/21): +6,1%. Acumulado em 12/36/60 meses: +29,8%/+88,3%/+142,4%.

Olá pessoal!

O resultado do mês entra na lista dos mais atrasados da história do blog!

Essa história ainda é pequena, tem aproximadamente 4,5 anos. Chegamos até aqui dessa forma: fazemos uma pausa mensal para avaliar o que deu certo, o que deu errado e onde podemos melhorar.

Esse mês foi especial, pois marcou a virada da balança Brasil x Exterior na carteira de investimentos. Agora, o portfólio MD Elsewhere tem mais recurso denominado em Dólar do que em Real!

How can I make my own weighing scale? | Let's Talk Science

Outra atualização muito importante: finalmente fiz um dashboard para acompanhar o portfólio!

O Dashboard é uma forma de visualizar vários dados combinados em uma janela de visualização.

Legal, né? 🙂

1. Introdução – Ano #16 / Idade 35 / Agosto/2021

O ótimo resultado dos dois últimos mêses tem origem na realocação que fiz no primeiro semestre quando aumentei a parcela de ativos digitais.

Resultado MD Elsewhere 2021

Chegamos na rentabilidade de +21% no final de agosto. Estamos na briga tecnicamente empatados com o S&P 500.

A volatilidade do portfólio está elevada, muito mais alta do que já foi em qualquer período. Isso implica que a avaliação de desempenho deve ser feita em uma janela maior. A avaliação mensal perde relevância.

Eu penso em diminuir a frequência dos posts de resultado de mensal para trimestral por exemplo.

Aumentei o escopo da tabela de resultado para contemplar os resultados de 1 até 5 anos. Essa é mais uma medida para refletir sobre o prazo de avaliação de uma carteira de investimentos.

2. Notas Pessoais

Vou deixar esse capítulo em branco, pois já estamos quase no final do mês. Isso dificulta a recuperação do histórico. Fico devendo.

3. Alocação de Recursos do Portfólio MD Elsewhere

O Dashboard explica bastante o tema de alocação:

“Uma imagem vale mais que mil palavras”.

3.1 Alocação geral ao longo do tempo

Está disponível na imagem do dashboard.

3.2 Empresas Brasil (35%)

Acho que existem boas oportunidades de preço na B3, mas tenho o cuidado de comparar com outras oportunidades.

Eu acredito que a próxima década continuará sendo da Tecnologia da Informação e o Brasil é um país muito fraco nisso.

3.3 Setor Imobiliário (4%)

Continuo somente com a exposição em um imóvel pequeno no subúrbio da cidade.

Se a liquidez não fosse tão baixa, já teria vendido.

E ainda para me deixar mais descontente, o inquilino saiu do apartamento em setembro, ou seja, a rentabilidade final vai baixar até encontrar um novo. Lá vem custo com imobiliária, condomínio, etc.

Quero vender esse apartamento.

3.4 Investimentos Globais (53%)

3.4.1 Empresas (18,5%)

Zerei as pequenas posições em MU, PE, NPR, DIS e MA.

Aumentei as posições de IWDA e IBUY.

3.4.2 Commodities: Ouro (1,5%)

Zerei a posição em prata, SLV. Agora possuo apenas exposição a ouro via GDX.

3.4.3 Criptoativos (33%)

Continuo otimista com BTC e ETH.

3.5 Renda Fixa + FGTS (6%)

3.6 FIM – Fundos Multimercados (3%)

Estou no processo de zerar minha alocação em FIMs.

4. Proventos Recebidos

Foi em dezembro de 2015 que eu coloquei numa folha de caderno um orçamento mensal imaginário que eu precisaria para viver (ou sobreviver, hehe).

Coloquei nesse orçamento valores para saúde, educação, lazer, moradia, alimentação, etc. Somei tudo e multipliquei por dois. Arredondei para o valor superior imediato em milhares de reais.

Pronto, assim surgiu a meta de renda passiva.

A razão de multiplicar por dois na época foi de colocar uma margem de segurança nas minhas premissas.

Esse valor que obtive em 2015 é atualizado mensalmente pela inflação na planilha de resultado.

Fiz uma mudança no gráfico de Renda Passiva com a implementação do Dashboard. Deixei de normalizar o gráfico inteiro pela inflação. Agora eu apenas atualizo a curva da meta pelo IPCA. A vantagem disso é que poderemos ver no gráfico o impacto da inflação aumentando a meta.

A curva vermelha do gráfico representa a meta atualizada definida em 2015 e a curva verde representa os proventos recebidos.

Ao dividir o valor mensal de proventos recebidos pela meta da IF atualizada pela inflaçao, encontramos o progresso da renda de proventos.

5. Crescimento Patrimonial

Vou comentar o gráfico de patrimônio no próximo mês.

6. Fechamento

Sem muitas palavras, já vejo o ano terminando e o tema das eleições vai dominar cada vez mais.

O principal acontecimento do mês foi ver a parcela global de investimentos ultrapassar a nacional.

Alocação MDE em Agosto/2021

Foram 15,5 anos de investimentos majoritariamente na jurisdição nacional. Eu acredito que essa virada não tem volta, o peso global deve aumentar mais nos próximos anos.

Nos vemos em breve…

MD Elsewhere in Brazil

Next!?


Opa, você pode deixar um comentário legal aqui, participe!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s